Modo de Produção Biológico Geral

190.00

ATENÇÃO!

No âmbito da candidatura aos Ecorregimes do Pedido Único de Ajudas, é obrigatório garantir a formação específica homologada em Modo de Produção Biológico (50 Horas), tendo em vista cumprir os critérios de elegibilidade para a conversão para a Agricultura Biológica. 

Os beneficiários que não concluírem com aproveitamento a formação homologada de Modo de Produção Biológico (50 Horas) até 31 de Dezembro de 2023 não estarão habilitados a candidatar-se aos apoios em agricultura biológica no Pedido Único de 2024.

Curso para Agricultores que pretendam obter formação específica homologada para a conversão para a Agricultura Biológica e outros formandos que, no âmbito da sua formação contínua, pretendam obter/aprofundar conhecimentos e competências nesta área.

  • Vai decorrer no formato ONLINE;
  • Curso homologado pela DRAPN;
  • Confere Certificado de Qualificações, emitido na plataforma SIGO, do Ministério da Educação.
  • Dependendo da reunião do número mínimo de formandos/as, a ação poderá sofrer alteração de datas ou ser cancelada, ficando salvaguardada a devolução de todas as importâncias recebidas.
  • Pode efetuar o pagamento  por referência multibanco (aquando inscrição, a plataforma gere os códigos), ou, se preferir pode efetuar transferência bancária para o nº de IBAN PT50 0033 0000 01090445223 09. É solicitado o envio do comprovativo, relativo ao pagamento através de transferência bancária, para o mail financeiro@consultua.com.

CRONOGRAMA_MPB

Formadores

Descrição


Localidade
Online




Data Início
13/12/2023




Data Fim
29/12/2023




Cronograma




Observações
Formação em horário pós laboral, totalmente online através de sessões síncronas.




Inscreva-se



Legislação Especifica: Despacho 899/2015 de 29 de janeiro; Regulamento Especifico 6 (RE6)


Idade Mínima: 18
Idade Máxima: 99
Situação:
Habilitações Mínimas:
Habilitações Específicas: Os/as formandos/as deverão possuir a escolaridade mínima obrigatória.
Agricultores que pretendam obter formação específica homologada para a conversão para a Agricultura Biológica e outros formandos que, no âmbito da sua formação contínua, pretendam obter/aprofundar conhecimentos e competências nesta área.


Capacitar os participantes com conhecimentos, competências e atitudes para aplicação do modo de produção biológico na componente vegetal e animal.




3 – Formação a distância – E-learning (turma)


1- Tipos de avaliação:
1.1 – Avaliação de reação – a efetuar no final da ação de formação
2.1 – Avaliação de conhecimentos:
Formativa: a efetuar ao longo da ação de formação, módulo a módulo.
O sistema de avaliação deverá prever avaliações parciais módulo a módulo e ainda a autoavaliação por parte dos utilizadores em formação, possibilitando verificar e testar os conhecimentos e permitir a sua progressão ao longo da formação.
Sumativa: Realizar no dinal da ação, consistindo numa prova teórica, tipo teste individual a insidir sobre os conteúdos de todos os módulos.

2- Instrumentos de avaliação de conhecimentos
2.1 – Fichas
2.2 – Trabalhos individuais
2.3 – Trabalhos em grupo
2.4 – Debates

3- Critérios de avaliação de conhecimentos
3.1 – Considera-se que um formando tem “aproveitamento” na ação de formação quando obtém na prova teórica uma classificação igual ou superior a 10 valores “. A prova teórica é classificada com base numa escala de 0 a 20 valores.


Confere Certificado de Qualificações, emitido pelo Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa (SIGO) do Ministério da Educação, conforme Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho, com enquadramento legal no Sistema Nacional de Qualificações – Decreto-Lei nº 396/2007, homologado pela DRAPN.