Complemento em Proteção das Culturas (CPC)

240.00

Formadores

Descrição


Localidade
Online




Data Início
11/04/2023




Data Fim
30/05/2023




Cronograma




Observações
Vai decorrer online, pelo que os/as formandos/as deverão possuir os recursos tecnológicos recomendados.




Inscreva-se



A ação integra-se nos termos dos artigos 6.º e 7.º da Portaria n.º 354/2013 de, 9 de dezembro, regulamento que estabelece os critérios específicos de ingresso dos formandos e de seleção dos formadores, as condições específicas de organização e as particulares para a realização das ações de formação, bem como as condições específicas para a realização da avaliação de aprendizagem do curso.


Idade Mínima: 23
Idade Máxima: 99
Situação: Desempregados à procura do 1º emprego
Empregados por conta própria
Desempregados à procura de novo emprego – Não DLD
Desempregados à procura de novo emprego – DLD
Funcionário da administração pública local
Habilitações Mínimas: Licenciatura
Habilitações Específicas: Formação superior na área das ciências agrárias e afins, cuja formação base não dispõe de unidades curriculares na área da proteção das culturas.


Capacitar os participantes com conhecimentos em proteção das culturas.


Introdução Ação
Bloco I – Botânica
Bloco II – Fisiologia Vegetal
Bloco III – Agrometeorologia
Bloco IV – Fitopatologia
Bloco V – Entomologia Agrícola
Bloco VI – Fitofarmacologia
Bloco VII – Fruticultura / horticultura / Viticultura
Avaliação e encerramento

Avaliação e encerramento



3 – Formação a distância – E-learning (turma)


Avaliação de reação final- realizar no final da ação.
Avaliação formativa- efetuar nos diferentes módulos através de testes, trabalhos individuais ou em grupo.
Avaliação sumativa- realizar um teste escrito que incida sobre todas as temáticas da ação.
As provas de avaliação de conhecimento são realizadas pelo formador ou formadores, a quem compete conceber as provas e as grelhas de avaliação e de pontuação de grupo e de cada formando. As provas são todas pontuadas de 0 á 20 valores.

Critério de Avaliação de conhecimento:
Aos formandos que demonstrem assiduidade na ação de formação e que obtenham no teste escrito final uma pontuação igual ou superior a 10 valores, será atribuída a classificação final “Com aproveitamento”.


Confere Certificado de Qualificações, emitido pelo Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa (SIGO) do Ministério da Educação, conforme Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho, com enquadramento legal no Sistema Nacional de Qualificações – Decreto-Lei nº 396/2007.
O Certificado será homologado pela DGADR.